Novidades

Sem querer testar paciência da torcida, Luiz fala em união na busca por resultados

25/05/2017

O Criciúma vive uma situação delicada no Campeonato Brasileiro da Série B. Mesmo com apenas duas rodadas, o Tigre vê a pressão aumentar no Sul do estado. Isso porque ainda não somou pontos na competição. Contra o América-MG na próxima sexta-feira, no Heriberto Hülse, o time busca a primeira vitória e também união com a torcida. É o que prega o goleiro e capitão Luiz.

- É sempre o discurso que vamos fazer, é ter paciência. A paciência tem um pouco de limite. O torcedor quer a vitória e nós também. Na primeira partida o resultado não aconteceu e a desconfiança vai existir. Precisamos do torcedor, precisamos nos unir cada vez mais. Estamos jogando em prol do clube, o torcedor está para torcer para o Criciúma Esporte clube, vamos fazer de tudo para poder dar alegria para a torcida. Vamos fazer de tudo para vencer - disse.

Para afastar a pressão que ronda o Heriberto Hülse, o Tigre não terá vida fácil. Depois de enfrentar o América-MG, em casa, a equipe fará dois jogos fora, contra Luverdense e Juventude. De acordo com Luiz, vencer o primeiro destes duelos é fundamental para a manutenção do bom ambiente no clube.

- O Brasileiro já é difícil por si só. Ter dois jogos fora depois, te obriga a vencer em casa. Temos o Luverdense e depois o Juventude, a obrigação é vencer o América, uma equipe qualificada e temos que fazer um excelente jogo. Não podemos começar a trazer coisas negativas, o ambiente é bom, sempre foi bom e aí fazer as coisas certas. Está no início, mas temos que vencer - analisou.

Após duas rodadas do Brasileiro da Série B, o Criciúma é o único clube que não pontuou e está na lanterna da competição. O Tigre pode conquistar os primeiros pontos na próxima sexta-feira, quando enfrenta o América-MG, às 19h15, em casa.

Fonte: http://globoesporte.globo.com / Creditos: